Artigos

HOME > ARTIGOS > Artigos,Destaque > 20 anos após a professora dizer que nunca seria alfabetizado, autista forma-se em Medicina

20 anos após a professora dizer que nunca seria alfabetizado, autista forma-se em Medicina

Enã Rezende com apenas 26 aninhos acabou de se formar em medicina na Universidade de Cuiabá (Unic), no Mato Grosso. Ele é autista e cresceu com dificuldade de desenvolver a fala e a interação com as pessoas à sua volta.

Bullying

O jovem durante toda a sua vida sofreu de bullying, tanto por partes dos colegas de escola. Um dia a sua mãe, Érica Rezende, foi à escola e ouviu a professora dele a dizer que ele nunca iria aprender a ler e escrever. Na época ele era criança, anadava no ensino basico e tinha apenas 7 anos. A mãe, logicamente decidiu mudar a criança de escola.

AOS 19 ANOS, ENÃ FOI DIAGNOSTICADO COM PSICOSE INFANTIL E TERIA UM GRAU LEVE DE AUTISMO, SEGUNDO OS MÉDICOS APÓS VÁRIAS ANÁLISES.

O pai de Enã infelizmente não pode estar presente e ver o desenvolvimento do seu filho, ele teve um acidente de viação e faleceu. Enã era ainda uma criança. Ele diz que isso o ajudou e fez com que ganhasse interesse pelo mundo da medicina, talvez com medo de perder a mãe e com vontade de ser útil.

Ao entrar na faculdade

Quando finalmente conseguiu entrar na faculdade, a real dificuldade do jovem era o contacto com os pacientes, pois teria muita dificuldade em olhar nos olhos das pessoas, com o tempo e com a prática ele conseguiu reverter essa situação.

FOI UM ALUNO EXCELENTE E NÃO REPROVOU E NENHUMA PROVA.

“O Enã é uma pessoa extremamente inteligente, mas por conta dessa dificuldade de interação, acabava ficando mais isolado. Então, passamos a tomar iniciativas, junto com professores e os próprios colegas, para que ele fosse colocado em grupos e tudo isso o ajudou na inserção social”, afirma a coordenadora do curso de medicina da Unic, Denise Dotta.

Próximos passos

Agora que terminou a formatura, ele vai começar a trabalhar numa unidade do Exército em Rondonópolis. Mas já está com novas ideias, em 2020 o jovem pretende especializar-se em neurologia.

Segundo novidades que navegam pela internet, o jovem está com um projecto de inclusão social nas escolas, sobre o autismo. Ele pretende que as crianças e adolescentes entendam o comportamento de um coleguinha autista e aprendam a respeitá-lo. Tem feito algumas palestras, para que crianças e adolescente como o Enã não passem pelos mesmos dramas que ele.

Fonte: Inspiring Life


Últimas novidades

O doutor Philipp Köhler, especialista em medicina de emergência, disse que nunca tinha visto um c

Se o sucesso é a melhor vingança, Elizabeth Blackwell, a primeira médica formalmente reconhecida

O Projeto Medicina vai realizar nos dias 12 e 19 de maio o Simulado Nacional Online Enem 2019, que

Este é um artigo sobre o Curso Aprovação 360, criado pelo Professor Gilberto Augusto. Nele eu des

Enã Rezende com apenas 26 aninhos acabou de se formar em medicina na Universidade de Cuiabá (Unic

Quem estuda para o Enem sabe a importância que é uma boa preparação para a prova de Redação. I

Visite nossos outros projetos: