Artigos

HOME > ARTIGOS > Destaque,Dicas de Estudo > 6 passos simples para melhorar a concentração nos estudos

6 passos simples para melhorar a concentração nos estudos

É comum ouvir reclamação sobre falta de concentração na hora de estudar. Muitas vezes, dizem que qualquer coisa pode atrapalhar os estudos. De repente, uma borboleta acaba sendo mais interessante… Isso já aconteceu com você? Hoje vamos falar de alguns fatores que podem atrapalhar na hora de se concentrar e dar algumas dicas sobre o que você pode fazer para ajudar a melhorar isso.

Concentração em foco

A importância da concentração para nós, estudantes, está diretamente relacionada a um estudo de melhor qualidade. Não adianta só estudar muito, tem que estudar com qualidade. Essa história de ser multitarefa não funciona. Você tem que aprender a focar em uma coisa de cada vez, uma matéria de cada vez, um assunto de cada vez.

Passo 1: Auto-conhecimento e observação

Esse é o nosso ponto de partida. A primeira coisa que você deve fazer é identificar o que está tirando sua concentração, seja para estudar, para ler ou para alguma tarefa que você deseje executar.

Vou sugerir algumas coisas que podem estar te atrapalhando, e você vai responder para si mesmo se alguma dessas coisas tira o seu estado de concentração, ok? Vamos lá:

  • Celular
  • TV
  • Animais
  • Insetos
  • Campainha
  • Trânsito
  • Dores
  • Sede e Fome
  • Cansaço
  • Temperatura
  • Bagunça

Esses são apenas alguns. Tente identificar quais, entre eles, estão te prejudicando, e de um por um, você vai tentar solucioná-los.

Exemplo: Eu tinha muita dificuldade em estudar em casa. Por mais que fosse um ambiente tranquilo, a cama parece que tinha um imã que me atraía, e começava a me dar um cansaço muito grande que me fazia querer deitar. Sabe o que eu fiz? Passei a estudar na biblioteca.

Passo 2: Hora de abrir mão

Já identificou o que te toma a atenção? Agora é hora de colocar em prática. Se for o celular, desligue-o assim que sentar na mesa. Se for o barulho, tente encontrar outro ambiente para estudar. Se for preguiça, bem, nesse caso vamos precisar de um pouco de força de vontade para vencer essa barreira.

No começo, posso te garantir que a dor da mudança será grande. Você vai ter vontade de ligar o telefone, de deitar na cama, de conversar com aquele seu amigo, ou mesmo de prestar atenção naquele lápis que parece tão interessante. Mas não esqueça. Você não está estudando simplesmente para passar no Vestibular, e sim para realizar seu sonho.

Passo 3: Crie uma lista de tarefas

Você pode até já ter um plano de estudos, onde nele estarão escritas as matérias que você vai estudar no dia, mas é muito importante você anotar em algum lugar todas as tarefas que você irá realizar no dia.

Por exemplo:

  1. Resolver exercícios de trigonometria
  2. Estudar teoria de botânica
  3. Revisar o conteúdo de inconfidência mineira
  4. Ir na academia
  5. Ler o capítulo 3 do livro “O Seminarista”.

Você pode anotar isso em uma agenda (caso você não seja muito tecnológico), ou usar aplicativos como o Todoist ou o Evernote, para te ajudar nessa tarefa.

Passo 4: Estude no seu período mais produtivo

Eu sei que isso pode não se aplicar pra muita gente, mas tente utilizar o seu período mais produtivo para estudar. Isso é importante na hora de criar sua rotina, que é outro fator decisivo na vida de quem quer aumentar a performance nos estudos.

Um livro muito interessante sobre isso é “O Poder do Hábito”, recomendo muito a leitura caso queira aprofundar um pouco mais no assunto sobre criar hábitos.

Mas você pode ser uma pessoa que trabalha durante o dia, tem que cuidar de casa ou dos filhos e não pode escolher, só tem UM período do dia para estudar, nesse caso, tente aplicar os outros passos com o intuito de melhorar seu rendimento. Você, mais do que ninguém, precisa fazer isso acontecer.

Passo 5: Comece a meditar

“Pronto, agora o Júlio quer que eu vire um monge”

Não é nada disso. A meditação ajuda você em vários aspectos, principalmente no que diz respeito ao controle da respiração. E não precisa fazer nenhum tipo de curso ou algo do tipo, hoje já existem aplicativos gratuitos que te ajudam a meditar.

Uma recomendação minha é o aplicativo Headspace (Android) (iOS). Nele, gratuitamente, você pode seguir alguns programas de meditação. É sensacional, eu uso muito e me ajuda demais.

Passo 6: Cuide da sua saúde

Os anos de vestibular, principalmente para quem pretende fazer Medicina, são anos de muito estresse, você deve saber muito bem disso. E muita gente deixa de se alimentar corretamente, pulando refeições, dormindo pouco, comendo alimentos mais rápidos de se preparar, e acabam prejudicando a saúde.

Mas o que as pessoas não percebem é que, ao fazer isso, elas também acabam prejudicando o próprio rendimento nos estudos. Então aqui vão algumas dicas:

  • Procure ter uma rotina, dormir no mesmo horário e acordar no mesmo horário;
  • Coloque suas refeições no cronograma de estudos (e na sua lista de tarefas);
  • Exercite-se regularmente: e não estou falando apenas de academia, você pode fazer caminhadas, exercícios em casa, subir e descer escadas, etc;
  • Tenha um dia na semana para você: é importante ter um horário para fazer outra atividade que não seja estudar.

Conclusão: curta esse momento na sua vida. Hoje, pra você, pode parecer que esse será o pior momento pra você. hahahaha… você não sabe o que te espera na faculdade de Medicina… 😉

O que te garanto é: esses hábitos criados ainda como vestibulando, serão benéficos pra sua concentração não apenas na faculdade, mas na vida.

Videoaula sobre Concentração – Prof. Renato Alves

Curso de Estudo e Memorização

O Projeto Medicina e o Prof. Renato Alves trazem pra você um curso exclusivo de Estudo e Memorização. Clique na imagem abaixo e conheça o curso.

 

Grande abraço.

 

 


Últimas novidades

Você piscou os olhos e, de repente, já é setembro e faltam menos de dois meses para o Enem. Será

Dúvidas e preconceitos surgem quando o assunto é vitiligo. Ainda que haja movimentos de esclarecim

A prática de exercícios físicos vai além de manter a boa forma e aparência. Veja algumas dic

Desde de ir ao banheiro doze vezes por dia a não sentir cortes na pele, saiba quais são as quatro

Imagina você, vestibulando, chega cansado do cursinho, dos estudos e quer apenas um banho e depois

Visite nossos outros projetos: