Artigos

HOME > ARTIGOS > Artigos,Destaque > Conheça quatro das doenças mais assustadoras do mundo

Conheça quatro das doenças mais assustadoras do mundo

Desde de ir ao banheiro doze vezes por dia a não sentir cortes na pele, saiba quais são as quatro doenças que podem transformar a vida humana num autêntico filme de terror:

 

Diarreia de Brainerd

A Brainerd não se trata de uma diarreia comum. Ela recebeu esse nome por ter sido descoberta em Brainerd, Minnesota, onde foi constatado que 122 pessoas foram infectadas.

Os enfermos podem apresentar um quadro de diarreias intensas de 10 a 12 vezes por dia. Até hoje não foi esclarecida a origem da doença.

Acredita-se que seja um agente infeccioso, apesar de pesquisas descartarem vírus, parasitas e bactérias.

Síndrome do Riley-day

Esta síndrome é uma doença hereditária que afeta a atividade dos neurônios sensoriais, prejudicando o funcionamento do sistema nervoso autônomo (simpático e parassimpático).

O funcionamento do sistema nervoso autônomo está diretamente relacionado aos estímulos vindos de fora do corpo.

O portador da síndrome não sente pressões, dores ou mesmo reage a temperaturas exteriores.

Ele pode apresentar sintomas como crescimento lento, dificuldades na alimentação, incapacidade de produzir lágrimas, escoliose, hipertensão, convulsões, transtorno do sono e vômitos.

 

Pé de Madura ou Micetomia

Esta doença é causada fungos e seu contágio ocorre, geralmente, em regiões de atividade agrícola, afetando os membros inferiores, principalmente os pés.

Ela pode começar a apresentar sinais com um corte no pé, podendo não ficar exposta ou progredir rapidamente.

Ao exteriorizar o pus, os fungos conseguem alcançar os ossos do enfermo. A micetomia pode se desenvolver ao longo de anos ou, até mesmo, décadas.

Loíase

A Loíase é contraída através da picada da fêmea de um moscardo africano infectado, também conhecido como mosca do cavalo ou mosca do veado que deposita o parasita Loa loa em seu estágio inicial de vida.

Ele se desenvolve internamente no corpo humano e depois migra para tecidos mais profundos. A doença se manifesta com lesões, principalmente nos braços e nas pernas.

O verme em sua fase adulta pode apresentar de 3 a 7 cm de comprimento e causar lesões cardíacas, oculares, pulmonares, cerebrais, no sistema nervoso, nos órgãos sexuais.


Destaques

A Imaginie é a maior plataforma de correção de redação do Brasil. Neste ano, em parceria com a

Você vai fazer o Enem este ano? É mais fácil ter sucesso quando você se sente bem, menos ansios

Desde o ano de 2009 o Inep utiliza a TRI - Teoria de Resposta ao Item - como metodologia para o cál

Meu nome é Maria Caroline, sou estudante de Medicina da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA)

Milhares de jovens estudantes brasileiros buscam a tão sonhada vaga no Curso de Medicina. Os mo

Futuro médico, evoé. Hoje soube notícias de você, estou realmente feliz porque acompanhei de lo